sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

sábado, 3 de novembro de 2012

Sugestões de Leitura


O JARDIM DAS CEREJEIRAS SEGUIDO DE TIO VÂNIA




ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS

Formato: Livro
Autor: TCHEKHOV, ANTON PAVLOVICH
Tradutor: FERNANDES, MILLOR
Idioma: PORTUGUÊS
Editora:  L&PM EDITORES
Assunto:  ARTES - TEATRO
Edição: 1ª
Encadernacao: BROCHURA
Idioma: português
Encadernação: Brochura
Edição: 1ª
Ano de Lançamento: 2009
Número de páginas: 160

SINOPSE
Numa época em que o teatro russo era dominado pelos me­lodramas, Tchékhov radicalizou a arte dramática ao escrever peças nas quais destrinchava os hábitos, os amores e os desejos das pessoas comuns. Para o escritor, o cotidiano e as banalidades da vida estavam repletos de dramas e po­diam ser temas de grandes obras. Foi no palco russo que estrearam Tio Vânia, em 1899, e O jardim das cerejeiras, em 1904. Em ambas pode-se ver retratado o dia-a-dia de duas famílias russas que buscam um rumo frente às mudanças que se desenhavam na passagem do século XIX para o século XX, por meio do tom tchekhoviano, entre a tragédia e a comédia.


A GAIVOTA





ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS


Formato: Livro
Autor: TCHEKHOV, ANTON PAVLOVICH
Idioma: PORTUGUÊS
Editora:  COSAC NAIFY
Assunto:  ARTES - TEATRO
Edição: 1ª
Encadernacão: BROCHURA
Idioma: português
Encadernação: Brochura
Dimensão: 20 x 13 cm
Peso: 0,210 kg
Edição: 1ª
Ano de Lançamento: 2004
Número de páginas: 112



SINOPSE
Escrita em 1895 e reescrita até 1896, esta é a primeira das quatro peças que notabilizaram Anton Tchekhov (1860-1904) no teatro, quando o autor já era mestre de uma contística singular. Esta 'comédia séria' de ambições desfeitas, sonhos sem futuro e tessitura ao mesmo tempo realista e musical logo se tornou um dos pilares da dramaturgia moderna.




quarta-feira, 22 de agosto de 2012

sábado, 18 de agosto de 2012

Pra ficar na história - quando novela e teatro se encontram








Marisa Monte



Depois de sonhar tantos anos,
De fazer tantos planos
De um futuro pra nós
Depois de tantos desenganos,
Nós nos abandonamos como tantos casais
Quero que você seja feliz
Hei de ser feliz também

Depois de varar madrugada
Esperando por nada
De arrastar-me no chão
Em vão
Tu viraste-me as costas
Não me deu as respostas
Que eu preciso escutar
Quero que você seja melhor
Hei de ser melhor também

Nós dois
Já tivemos momentos
Mas passou nosso tempo
Não podemos negar
Foi bom
Nós fizemos histórias
Pra ficar na memória
E nos acompanhar
Quero que você viva sem mim
Eu vou conseguir também

Depois de aceitarmos os fatos
Vou trocar seus retratos pelos de um outro alguém
Meu bem
Vamos ter liberdade
Para amar à vontade
Sem trair mais ninguém
Quero que você seja feliz
Hei de ser feliz também
Depois

domingo, 27 de maio de 2012

Viva la Vida!


Teatro


Teatro, do grego théatron é uma forma de arte em que um ator ou conjunto de atores, interpreta uma história ou atividades para o público em um determinado lugar. Com o auxílio de dramaturgos ou de situações improvisadas, de diretores e técnicos, o espetáculo tem como objetivo apresentar uma situação e despertar sentimentos no público.




BOM ESPETÁCULO!!!


Senhoras e Senhores, Boa Noite!






Técnica Vocal


Dicção e controle do ar




Alguns exercícios ajudam a termos a percepção de como podemos controlar o ar na hora do canto, pois muitas vezes jogamos muito ar fora logo na primeira palavra, aí não conseguimos acabar a frase ou desafinamos. Confira alguns abaixo:

Bexiga de ar: Inspirar enchendo todo o pulmão, sem estufar o peito, encher de uma vez só uma bexiga de ar e vedar a saída com o indicador e o polegar. Inspirar de mesma maneira e soltar o ar devagar, em sopro, controlando a saída, ao mesmo tempo em que solta o da bexiga com os dedos. Devem acabar juntos, o seu ar e o da bexiga. No começo é difícil, mas é um ótimo exercício de percepção. Depois tente controlar o ar com as frases longas das canções.

Vela: Acender uma vela, posicioná-la a um palmo da boca; inspirar como acima e soltar o ar, como em sopro, controlando a saída retraindo o abdômen devagar, sobre a chama da vela, sem apagá-la. Procurar manter a chama sempre dançando da mesma maneira, se ela diminuir muito ou apagar, você soprou muito forte, se ela ficou ereta, seu ar falhou.

Frequência dos exercícios: três vezes cada, três vezes na semana.

Dicção: A boa dicção é muito importante para o canto, pois se você não articula bem as palavras, fica difícil de se entender o que você está dizendo, e se não abre a boca o suficiente, a voz sai anasalada. Um exercício fácil é cantar exagerando na articulação, ou ler textos exagerando, abrindo mais a boca do que necessário, pra que ganhe mais abertura.

Você pode também cantar os vocalises articulando bem as vogais e consoantes, usando sílabas como:

TRA, TRE, TRI, TRO, TRU
BLA, BLE, BLI...
LARA, LERA...
VINE...VIVIU
AU...AI...AÊ...ÓI
NAU...NOIM...
enfim, invente e articule!

Um bom exercício para "amaciar" e relaxar a boca é fazer uma mastigação de boca fechada e depois aberta, fazendo muita careta, com som de "humm".

2a. voz: A segunda voz é uma mesma frase da canção cantada com notas diferentes da primeira. A mais comum é quando você canta as mesmas notas da primeira frase uma terça acima ou abaixo, ou uma quinta. Muita gente tem essa percepção natural e faz isso sem nunca ter estudado música, mas isso não deve se constituir uma regra. A 2a. voz é qualquer frase cantada com notas diferentes da primeira, mas que soe bonito, harmônico, que combine.

Você pode treinar isso escolhendo canções de algum cantor ou cantora cuja voz se aproxime da sua na extensão vocal, ou seja, que você consiga cantar junto sem fazer muito esforço, então você ao invés de cantar na mesma altura, com as mesmas notas, vá tentando fazer diferente, cantando mais grave ou mais agudo um pouco, procure gravar e ouça com atenção prá ver se soa harmônico, se está combinando.

Trêmulo: O trêmulo, aquela tremidinha no final das frases que alguns cantores fazem, na minha concepção é um recurso natural, da personalidade de cada um, eu desconheço técnica para isso.Se você der uns soquinhos na barriga a voz treme, mas não é natural.

Equipe
Teatro Evangélico.com.br